O atacante Miguel Borja vai defender o Junior Barranquilla em 2020. Conforme havíamos falado aqui, o jogador estava sendo disputado pelo Olimpia do Paraguai e o Barranquilla. Contudo o Barranquila que é o time de coração de Borja venceu a disputa.

Para contar com o jogador em 2020, o time colombiano teve que aceitar uma série de exigências feitas pelo Palmeiras. Os salários de Borja deverão ser totalmente pagos pelo Junior Barranquila. O time também será obrigado a adquirir metade dos direitos econômicos do jogador caso marque 22 gols ou jogue 73% das partidas em que estiver fisicamente preparado. Sendo assim se o jogador atingir a meta, a equipe colombiana terá de pagar cerca de R$ 17,3 milhões ao Palmeiras

Se alguma outra equipe se interessar por Borja, o Barranquilla terá que liberar o jogador imediatamente. Contudo o time terá direito de preferência se quiser igualar as condições oferecidas pelo jogador. A equipe colombiana poderá ter direito a receber 12% em caso de venda do jogador. Entretanto não terá direito caso exerça ou seja obrigado a comprar os 50% dos direitos do jogador.

Veja mais!  Sebastian Beccacece, do Racing, recusou o Palmeiras

Borja foi contratado pelo Verdão por R$ 32,8 milhões em 2017. O jogador disputou 112 partidas com a camisa alviverde anotando 36 gols, sendo apenas 6 gols em 25 jogos nesta temporada.

Não deixe de acompanhar mais detalhes sobre o Verdão aqui no Palmeiras Notícias. Informações sobre partidas, negociações e os bastidores do Verdão são atualizadas diariamente.

 
Siga o Palmeiras Notícias também no Google Notícias, CLIQUE AQUI e em seguida aperte em "Seguir"   
 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here